El Marronzito

Mais forte que o mar

6 Comentários

HE-KA-RE-GA-DO

KA-ZA-DO, EU KA-ZA-DO

DI-NOVO, DI-NOVO

Estas são algumas das grafias que meu amigo Adama Yalombá encontrou. Como bom professor de português que sou, nem fiz muita cena. Disparei: É isso aí.

Adama, simpático como sempre, disse: Muito bom, muito bom.

Esta é a tônica de um díalogo entre o super astro do Afropop e um caboclinho de cabelo duro que aprendeu inglês jogando videogame e o aperfeiçoou da forma mais esdrúxula possível: falando com indianos malucos de uma empresa multinacional.

Adama Yalombá veio da República de Mali, país da África Ocidental, para uma série de shows no Brasil. Em sua segunda passagem pelo nosso país (na primeira esteve com o pessoal do Quitutes & Batuques), ele trouxe consigo sua esposa Awa e o simpático Ali Diarra. Sabendo que Adama não falava português (até ter aulas intensivas comigo), o pessoal da Casa de Cultura Tainã me chamou para dar uma força.

Agora imaginem a deliciosa confusão. Eu não falo francês, não sei fazê bicú e não  recrimino os ignorantes que fazem piadas com a expressão merci bocu.

Para ser sincero, meu francês se limita a palavras como Henry, Zidane, Cisse, Toalete, Vitrou e Jean Renno. Ali, fala inglês, mas é um inglês meio que africano, com um que de dialeto. Por fim, Adama falava em francês, Ali traduzia pro inglês africano e eu, com meu inglês indiano, traduzia pro português mameluco.

Em suma, uma divertida e deliciosa comunicação.

Como sou menino bom, não ensinei pro Adama o que os brasileiros ensinam pros gringos que por sua vez, repetem como as palavras contando sílabas (gos-to-zza, pó-po-zzu-da, etc).

Foram três dias de trabalho e algumas cenas inesquecíveis como Adama e Ali cumprimentando todos os rastafáris da Feira Hippie de Campinas. Malvado que sou, me passei por gringo e deixei Adama e o vendedor conversarem sozinhos. No começo não saiu nada, mas sem problemas pois o povo africano é isso aí,  alegria, simplicidade e bom humor.

No fim, as dificuldades lingüísticas são vencidas com a linguagem universal da boa camaradagem e a irmandade entre seres humanos.

Um dia eu vou pra Mali. Um dia ainda aprendendo a dizer popouzuda no idioma dos meus amigos africanos.

p.s: Esqueci de ensinar o Adama dizer “bri-lha mui-to no co-rin-thia”. Sa-cô!

Eis algumas fotos:

O-BRI-GA-DO, RO-NI-ÉR

Awa e sua doce voz

Os estilosos sapatos de Ali Diarra

Eu ia falar pra eles que temos gansos de duas cabeças, mas fiquei com vergonha

TEX-THU-HASSS

Pra fechar com chave de ouro, eis um vídeo do camarada Adama:

Anúncios

Autor: ronielfelipe

Jornalista e Fotógrafo

6 pensamentos sobre “Mais forte que o mar

  1. bom, sempre tentam conversar comigo em chinês ou coreano qdo vou pra liberdade ( e eu sou de família japa ) e não, não é tudo igual.

    e que fotos bonitas 🙂
    awa parece simpática que só.

    ps:ah, eu li se-parar esses dias =P

  2. nem te conto minhas tentativas de se comunicar com africano falando inglês! Qualquer hora te conto. rs*

  3. E quem disse que os games não são educativos? Agora são até diplomáticos! Excelente post, dei boas risadas.

  4. Hahaha ta voltando as raízes nigga?

  5. Não a primeira vez que vc se mete nessas incursões linguisticas né Roni .. qq hora vc tem q contar sobre seu emprego de tradutor de cartas de amor de um “hindu” .. como gostam de ser chamados os compatriotas de Apu Nahasapeemapetilon ..

  6. É amêgo, a hipocrisia impera no ar. Ser alvo de brincadeira com alusão às cotas e à Copa na África – “não ache q terá privilégios COM A GENTE com essa parada de cotas raciais” – e ficar no veneno com isso é motivo pra vc ser taxado de ser humano sem senso de humor.

    Ah, e a falta de “senso humor” vira motivo pro grupo do “COM A GENTE” [leia-se, nós brancos, mesmo um sendo filho de negra] ficar magoado com você, o patinho preto da turma de brancos. Rá. EU ME DIVERTO!!!!

    e viva os seguidores do ALI KAMEL (numa linha “não somos racistas”)!!!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s